Regulação Econômica em Infraestrutura – Turma III – Nível I

Encerrado

Valor para não associados: R$1.050,00

Valor para associados: R$945,00

Fora de estoque

Categoria:

Introdução/Objetivo:

O curso de regulação econômica em infraestrutura visa munir os alunos com um referencial teórico e prático acerca do tema no Brasil, abordando aspectos regulatórios, microeconômicos, financeiros e relativos ao equilíbrio econômico e financeiro de contratos.

O objetivo é preparar os alunos para novas abordagens quanto ao processo de formulação e compreensão do arcabouço regulatório envolvido nos diversos setores da infraestrutura.

Conteúdo programático

O curso será desenvolvido em aula expositiva, com apresentação de casos concretos e discussões em grupo, abordando os seguintes tópicos:

- Introdução e aspectos gerais da regulação

  • Formas de intervenção do Estado na economia
  • História da regulação no Brasil
  • Regulação como política pública
  • Papel das agências reguladoras;

- Microeconomia e regulação

  • Concorrência
  • Monopólio e Oligopólio
  • Monopólio natural
  • Falhas de mercado;

- Principais conceitos da regulação (price cap, entre outros)

- Teoria de Finanças aplicada à regulação

  • Projeção do Fluxo de Caixa
  • Custo de Capital
  • Valor presente líquido
  • Taxa Interna de Retorno

- Matriz de Riscos

- Equilíbrio Econômico-Financeiro

  • Reequilíbrio pela via do fluxo de caixa original e marginal
  • Modelos de reequilíbrio pela via do fluxo de caixa original e marginal

- Estudos de caso brasileiros: Tipos de regulação e Reequilíbrio Econômico-financeiro

- Concessão Aeroporto de Viracopos

- PPP de Saneamento da Compesa

- Estudos de caso internacionais

  • Tipos de regulação
  • Reequilíbrio Econômico-financeiro
  • Editais e Contratos internacionais de reequilíbrio

- Análise de Impacto Regulatório (AIR)

Coordenador:

Daniel Keller : É bacharel em Ciências Econômicas na FEA-USP, com mestrado em Economia no IE-UFRJ, é especialista em regulação econômica e equilíbrio econômico-financeiro de contratos de concessão, tendo atuado junto às principais associações de concessionárias e agências reguladoras. Possui vasta experiência em estruturação de projetos (concessões comuns e PPP) e estudos de viabilidade econômico-financeira, incluindo PMI e MIP. Foi diretamente responsável pela assessoria financeira em diversos processos licitatórios vencedores, entre eles, as concessões do Aeroporto de Viracopos e da Linha 6 do Metrô de São Paulo. Atua também na captação de recursos para projetos de concessões no setor de infraestrutura, em forma de dívida e participação acionária, em montante superior à R$ 6 bilhões. Foi também professor de macroeconomia e microeconomia na PUC-SP e no INSPER. É consultor do Instituto de Estudos para o Desenvolvimento Industrial (IEDI), do Grupo Banco Mundial e do New Development Bank (NDB). Atualmente é sócio-diretor da UNA Partners, além de Coordenador Adjunto do Comitê de Recursos Hídricos e Saneamento Básico da Associação Brasileira da Infraestrutura e Indústrias de Base (ABDIB).

Professores:

Daniel Keller

Patricia Pessôa Valente

Doutora e mestre em Direito do Estado pela Faculdade de Direito da USP. Master of Laws pela London School of Economics and Political Science. Coordenadora do Núcleo de Infraestrutura do Centro de Regulação e Democracia do INSPER. Sócia do Pessoa Valente Advogados, escritório especializado em Direito Público e Regulação.

Rodrigo Barata

Diretor de Assuntos Institucionais da Agência Reguladora de Transportes - ARTESP , com mandato de 4 (quatro) anos (18/03/2021 - 2025) . Foi Coordenador de Estruturação de Projetos na Subsecretaria de Parcerias da Secretaria de Projetos, Orçamento e Gestão do Estado de São Paulo. Mestre em Direito do Estado pela USP, advogado, com mais de 10 anos de
experiência em projetos de infraestrutura de concessões e PPPs.

André Freire

Superintendente de Infraestrutura Rodoviária | ANTT - Agência Nacional de Transportes Terrestres

Carga horária:10 horas

Calendário:

Junho: 22, 23, 24 e 25

Horário:

17:30 às 20:00 horas

A Educação Corporativa da Abdib, reserva-se o direito de alterar ou cancelar o curso que não atingir o número mínimo de alunos por turma.